quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Sincretismo religioso na Igreja Evangélica?

Eu lhes disse: Que alto é este aonde vós ides?” (Ezequiel 20:29)

Ao longo do Antigo Testamento, a nação de Israel provocou o SENHOR à ira por diversas vezes, contaminando-se com os ídolos dos povos vizinhos. A idolatria dos israelitas é descrita como algo detestável, abominação, prostituição e adultério contra o Deus misericordioso que tanto amou aquela gente. Por causa das práticas idólatras, terríveis males afligiram Israel e Judá, incluindo a queda de Samaria e Jerusalém, a servidão aos assírios e babilônicos. Deus simplesmente odeia a idolatria!

Lamentavelmente, esse pecado abominável foi e tem sido amplamente tolerado no catolicismo romano. E, nunca é demais lembrar, o Brasil foi colonizado por Portugal, um dos países mais submissos à Roma, e justamente no período da Contrarreforma, o movimento de reação contra a Reforma Protestante! Deste os tempos do Brasil colônia, o povo brasileiro vive sua religiosidade mesclando elementos católico-romanos, religiões africanas e muita superstição, ignorando completamente a verdade das Escrituras, cuja leitura foi, durante séculos, severamente reprimida pela Igreja de Roma. A isso, soma-se a crença no espiritismo kardecista, fortemente propagado nas telenovelas, e no esoterismo da chamada “nova era”.

A chegada das igrejas evangélicas, tais como batistas, presbiterianos e Assembleia de Deus, trouxe luz a uma minoria de brasileiros, os quais passaram a ser doutrinados na Palavra. Com grande perseverança, aquelas denominações levaram seus membros ao conhecimento do plano eterno de salvação e ao temor do Deus vivo, enquanto, por graça, o SENHOR acrescentava novas almas ao Seu povo, escarnecido e menosprezado pelos “grandes” deste país, mas amado no céu.

Até que um dia alguém teve uma ideia. Percebeu-se que a idolatria brasileira é muito grande, e a libertação dos cativos é um processo demorado. Vivemos um tempo em que se buscam resultados rápidos, assim é a mentalidade contemporânea, e as denominações evangélicas não podiam ficar de fora dessa onda! Pra que remar contra a maré? Esse povo não consegue adorar a um Deus que não vê, precisa ter coisas palpáveis para se apegar! E, como esperar que leiam a Bíblia, essa gente que detesta ler? E, para que negar-lhes água benta, sal grosso, descarrego, arruda? Brasileiro ama essas coisas!

Então, o sincretismo religioso foi trazido para dentro da Igreja Evangélica brasileira. Não toda ela, naturalmente, pois os que amam a Palavra de Deus sabem quão vis são as práticas idólatras. Mas as denominações da teologia da prosperidade abraçaram a ideia e dela têm se valido para alavancar seu crescimento numérico. Diversos amuletos utilizados nas missas e terreiros pelo povo católico-espírita passaram a ser distribuídos no altar, pelo pastor! Carregar uma toalhinha no bolso ou debaixo da roupa, jogar sal nos cantos da casa e beber água “ungida” são formas da massa “evangélica” (entre aspas mesmo, porque não conhece o Evangelho) se sentir protegida! Ao mesmo tempo, o sólido estudo das Escrituras foi banido dessas mesmas denominações, que só promovem reuniões de resultados: “culto” da prosperidade, sessão de descarrego, terapia do amor, reunião dos empresários, etc. Expressões que biblicamente não fazem sentido, como “orar forte”(a versão “evangélica” da popular “reza brava”?) passaram a ser comuns entre os membros. E o povo segue dessa forma, com um pé na Igreja de Cristo e o outro nas crendices, tendo meio coração em Jesus e a outra metade nos ídolos!

Mas o SENHOR não tolera isso! “Eu sou o primeiro, e eu sou o último, e fora de mim não há Deus” (Isaías 44:6b), é o que a Sua Palavra nos garante. E, tendo o nosso Deus Se revelado claramente através das Escrituras, somos indesculpáveis se permitirmos as velhas práticas do catolicismo romano-espírita no meio do povo evangélico, sob a sórdida desculpa de que assim é mais fácil atraí-los! Não, não podemos ver igrejas sendo contaminadas e irmãos, desviados da sã doutrina bem diante de nossos olhos! Antes, clamemos por um retorno às práticas sadias e bíblicas da Igreja Evangélica, de anunciar o puro Evangelho de Cristo aos perdidos, acolhendo os que se arrependerem e discipulando-os, como o Senhor Jesus nos ordenou. E então nosso bom Deus nos acrescentará, não uma massa de ouvintes, mas aqueles que hão de ser salvos, para a glória do Seu Nome!

3 comentários:

  1. O LIVRO DA VIDA
    (ES.12)
    (JB.6.45) – ESTÁ ESCRITO NOS PROFETAS: (IS.34.16) - BUSCAI NO LIVRO DO SENHOR E LEDE (ES.87.8) – AO ESPÍRITO DO NOSSO SANTO GUIA, NESTE MEU SER QUE É PREDESTINADO, RECOMPONDO ESSES CARACTERES, DESSA FORMA: (148 letras e 8 sinais)
    (JB.19.28)- Depois, vendo Jesus que tudo já estava consumado para se cumprir a Escritura, disse: (1SM.12.3) – Eis-me aqui, (DN.9.24) – para dar fim aos pecados, para expiar a iniqüidade, para trazer a justiça eterna:(JB.8.25) – Que é que desde o princípio vos tenho dito? (LC.12.2) Nada há encoberto que não venha a ser revelado; e oculto que não venha a ser conhecido:(LE.3.1) – Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo propósito debaixo do céu; (2PE.3.4) porque desde que os pais dormiram, todas as cousas permanecem como desde o principio da criação:(AP.14.13) Então, ouvi uma voz do céu, dizendo: Escreve: (BC.4.4) – Ditosos somos, ò Israel; porque as cousas que agradam à Deus nos são manifestas: (JS.1.8) – Não cesses de falar deste livro da lei, antes, medita nele dia e noite, pára que tenhais cuidado de fazer segundo tudo quanto nele está escrito; (JB.13.15) – porque eu vos dei o exemplo, para que, como eu vos fiz, façais vós também: (LC.16.17) – E é mais fácil passar o céu e a terra do que cair um til sequer da lei: (ÊX.3.6) – Disse mais: Assim dirás aos filhos de Israel: (EC.24.32) – Tudo isto é o livro da vida, e o testemunho do Altíssimo, e o conhecimento da verdade: (IS.46.8) – Lembrai-vos disto e tende ânimo, tomai-o à sério, ó prevaricadores; (EC.28.7) – porque a corrupção e a morte estão a cair sobre aqueles que quebrantam os mandamentos do Senhor: – (IS.24.5) – Na verdade a terra está contaminada por causa dos seus moradores, porquanto transgridem as leis, violam os estatutos e quebram a aliança eterna: (SL.14.3)–Todos se extraviaram e juntamente se corromperam; (SL.106.33)- pois foram rebeldes ao Espírito de Deus, e Moisés falou irrefletidamente: (RM.6.19) - Falo como Homem por causa da fraqueza da vossa carne: (LC.16.9) – E eu vos recomendo: Buscai n’A BIBLIOGÊNESE DE ISRAEL, o poder do saber viver sob a proteção de Deus; (RM.8.22) – porque sabemos que toda a criação, a um só tempo geme, e suporta angustias até agora:
    ESCREVI ESSE RESUMO, AGINDO COMO UM DOS SANTOS PROFETAS, LENDO NOSSO CARATER, E CRIANDO O LIVRO QUE DÁ SENTIDO À SANTA VIDA, PELO SENHOR DEUS: ESSE SÁBIO PR OFETA É CRISTO, E TEREIS PODER: (IL.148.8)

    ResponderExcluir
  2. O SABER LER A SI:
    (ES.12.1)
    (AP.13.18) – AQUI ESTÁ A SABEDORIA: AQUELE QUE TEM ENTENDIMENTO CALCULE O NUMERO DA BESTA, POIS É NÚMERO DE HOMEM: ORA ESSE NÚMERO É SEISCENTOS E SESSENTA E SEIS: (AR.119.9)

    (ISRAEL é o nome do Homem que sabe LER A SI no Espírito Bíblico: Aqui o saber acaba com as cogitações infundadas que existiam acerca do número 666 do Apocalipse, pois o que está escondido nas 131 letras e 10 sinais que compõem o texto acima, é isto):

    ARNALDO RIBEIRO É ISRAEL: É O HOMEM QUE NASCEU NO CÉU, QUE AMA E SABE TESTAR AS ALMAS NO SEU NOME: E ELE ENTENDE QUE CRISTO TESTA DEUSES E DIABOS NESSE MESMO ESPÍRITO. (IL.131.7)



    O SÉTIMO DIA
    (DN.4.2) Pareceu-me bem fazer conhecidos os sinais e maravilhas que Deus, o Altíssimo, tem feito para comigo,; (EF.2.7) para mostrar nos séculos vindouros a suprema riqueza da sua graça em bondade para conosco em Cristo Jesus; (1CO.15.45) pois assim está escrito:

    (GN.2.3) – E ABENÇOOU DEUS O DIA SÉTIMO, E O SANTIFICOU; PORQUE NELE DESCANSOU DE TODA A OBRA QUE, COMO CRIADOR, FIZERA: (AR.85.6)

    E o que o Senhor quer dizer com as 85 letras e 6 sinais acima é isto:

    SOU O ESPÍRITO QUE DESCEU DO CÉU, CRIANDO A SUA FÉ; E FAÇO SANTO O QUE É BATIZADO COM NOME DE ARNALDO RIBEIRO: (IL.85.6)

    (Lc.12.50 – Tenho, porém, um batismo com o qual hei de ser batizado; e quanto me angustio até que o mesmo se realize; (IS.21.16) porque assim me disse o Senhor: (1RS.18.31) Israel será o teu nome, (LS..9.6) porque ainda que algum seja consumado entre os filhos dos homens, se estiver ausente dele a tua sabedoria, será reputado como nada.(LC.4.21) Hoje se cumpriu a escritura que acabais de ouvir: (LC.6.5) O Filho do Homem é Senhor do sábado:
    E agora José? Ou melhor, Chico?...

    ResponderExcluir
  3. O SABER LER A SI:
    (ES.12.1)
    (AP.13.18) – AQUI ESTÁ A SABEDORIA: AQUELE QUE TEM ENTENDIMENTO CALCULE O NUMERO DA BESTA, POIS É NÚMERO DE HOMEM: ORA ESSE NÚMERO É SEISCENTOS E SESSENTA E SEIS: (AR.119.9)

    (ISRAEL é o nome do Homem que sabe LER A SI no Espírito Bíblico: Aqui o saber acaba com as cogitações infundadas que existiam acerca do número 666 do Apocalipse, pois o que está escondido nas 131 letras e 10 sinais que compõem o texto acima, é isto):

    ARNALDO RIBEIRO É ISRAEL: É O HOMEM QUE NASCEU NO CÉU, QUE AMA E SABE TESTAR AS ALMAS NO SEU NOME: E ELE ENTENDE QUE CRISTO TESTA DEUSES E DIABOS NESSE MESMO ESPÍRITO. (IL.131.7)



    O SÉTIMO DIA
    (DN.4.2) Pareceu-me bem fazer conhecidos os sinais e maravilhas que Deus, o Altíssimo, tem feito para comigo,; (EF.2.7) para mostrar nos séculos vindouros a suprema riqueza da sua graça em bondade para conosco em Cristo Jesus; (1CO.15.45) pois assim está escrito:

    (GN.2.3) – E ABENÇOOU DEUS O DIA SÉTIMO, E O SANTIFICOU; PORQUE NELE DESCANSOU DE TODA A OBRA QUE, COMO CRIADOR, FIZERA: (AR.85.6)

    E o que o Senhor quer dizer com as 85 letras e 6 sinais acima é isto:

    SOU O ESPÍRITO QUE DESCEU DO CÉU, CRIANDO A SUA FÉ; E FAÇO SANTO O QUE É BATIZADO COM NOME DE ARNALDO RIBEIRO: (IL.85.6)

    (Lc.12.50 – Tenho, porém, um batismo com o qual hei de ser batizado; e quanto me angustio até que o mesmo se realize; (IS.21.16) porque assim me disse o Senhor: (1RS.18.31) Israel será o teu nome, (LS..9.6) porque ainda que algum seja consumado entre os filhos dos homens, se estiver ausente dele a tua sabedoria, será reputado como nada.(LC.4.21) Hoje se cumpriu a escritura que acabais de ouvir: (LC.6.5) O Filho do Homem é Senhor do sábado:
    E agora José? Ou melhor, Chico?...

    ResponderExcluir